DIylomJit1A

Recentemente, a BQ lançou a sua nova gama de telefones, Aquaris M, que sucede à linha do ano passado, a Aquaris E, da qual analisámos quase todos os modelos e vimos que são muito bons pelo preço. Hoje temos connosco o modelo mais pequeno e mais económico, o Aquaris M4.5, e vamos analisá-lo e ver se é uma boa opção para vocês.

Em termos de dimensões, a BQ conseguiu manter o ecrã de 4,5 polegadas do Aquaris E4.5, mas este novo modelo é ligeiramente mais pequeno, mais fino e mais leve, mesmo com uma bateria maior. Por tudo isto é muito fácil de utilizar com uma mão, até porque os botões foram recolocados de lado e agora estão mais acessíveis com o polegar, na altura certa.

Mais pequeno, mais fino, mais leve e com uma bateria superior

 

Resolução e som

A resolução do ecrã mantém-se, sendo inferior à alta definição, ficando um pouco atrás de muitos telefones deste preço. No entanto, tem cores mais vivas que o modelo do ano passado, que conjuntamente com o brilho elevado e o largo ângulo de visão, atenuam esta diferença da qualidade de imagem e para o dia a dia é mais do que suficiente. Onde ele vai estar mais limitado é nos vídeos do Youtube, por exemplo, e no consumo multimédia em geral, onde se nota que tem um pouco menos de definição.

Relativamente ao som, a BQ optou por manter o altifalante em baixo, que é ligeiramente mais alto que o modelo anterior, mas termos de qualidade não há muita diferença e nesse aspeto seria melhor ter o altifalante à frente, como por exemplo o Moto G, que tem 2 altifalantes à frente, criando um ambiente muito mais envolvente ao ver um vídeo ou a jogar um jogo.

Câmara

Junto ao LED de notificações tem uma câmara de 5 MP com uma grande abertura, o que é ótimo para selfies e tem também um flash, o que é muito pouco comum, mas que pode ser útil em ambientes com pouca luz.

Atrás, a câmara é de 8 MP, e é um pouco melhor que a do Aquaris E4, que analisámos o ano passado e está próxima da qualidade da do Nexus 5. Quanto aos vídeos filma apenas em alta definição, e não Full HD. E no geral está dentro do que espera desta gama de preço.

Ecossistema

Por dentro, corre o Android 5.1 Lollipop, o mais recente e tem algumas funcionalidades extra que a BQ implementou, como o pressionar 2x o ecrã desligado para o acordar, a possibilidade de adicionar e remover atalhos, bem como alterar a disposição. E outra funcionalidade fantástica são as permissões, onde podemos definir as permissões de cada aplicação concretamente. Por exemplo, o Facebook quer permissão para aceder à minha localização, mas como não tenho interesse nisso, bloqueei. A outra opção é permitir sempre, ou perguntar de cada vez que o Facebook quiser aceder à nossa localização e em cada situação podemos permitir ou bloquear. Isto é muito útil e já fazia falta no Android e é de esperar que fique disponível para todos na próxima versão, mas até lá, este M4.5 já tem e é ótimo a BQ ter feito o esforço por implementar isto.

 

Quanto ao desempenho, tem componentes relativamente fracos e por isso as aplicações demoram algum tempo a abrir e a fluidez é um pouco inferior ao Huawei P8 Lite, por exemplo, que analisámos recentemente. No entanto, para as aplicações simples do dia a dia, redes sociais, email, YouTube, etc, está questão da velocidade passa despercebida.

Tem um desempenho mais baixo que outros terminais da mesma gama

E nos jogos, é igual. Os mais exigentes verão o nível de detalhes gráficos abaixo do ideal, até porque a própria resolução do ecrã é baixa o que é expectável nesta gama de preço, mas os jogos mais simples, que são a maioria, não terão qualquer problema.

Bateria

Quanto à bateria, este BQ é muito bom e no teste aguentou 1 dia de utilização muito intensivo, com 15h de WiFi, 8h30 de ecrã, 2h de gps e 1h de chamadas, colocando-o no top dos telefones com mais autonomia ao lado do Moto E, que análisamos recentemente.

O Aquaris M4.5 tem internet móvel 4G e é Dual sim, o que significa que pode ter 2 números diferentes a funcionar em simultâneo no mesmo telefone. E suporta ainda cartões de memória para expandir os 8 GB de armazenamento. O preço é de 170€.

Vale a pena?

Em conclusão, este BQ é ótimo para o dia a dia, pequeno, leve, fácil de usar com uma mão, uma bateria extraordinária e uma câmara e desempenho suficiente. Por outro lado não é o que tem melhor ecrã, som, e não é o mais rápido desta gama de preço. Isso será o Moto G, que claro também tem as suas desvantagens, que podem ver em mais detalhe na análise.

E vocês ficaram convencidos com este BQ , ou gostavam de ver algum aspeto melhor? O ecrã, o som, o desempenho? Partilhem connosco as vossas opiniões nos comentários para saber o que é que vocês acham desta estratégia da BQ .

Review BQ Aquaris M4.5
Peso e tamanhoBateria
O ecrã, o som e o desempenho podiam ser melhores
90%Overall Score
Bateria100%
Som90%
Ecrã85%
Câmara80%
Design e conforto95%
Software90%
Reader Rating 12 Votes
68%