A Google apresentou finalmente os seus novos dispositivos, o Pixel 2 e o Pixel 2 XL. Dois dispositivos muito parecidos internamente, mas com algumas diferenças como o ecrã e bateria.

À primeira vista pode parecer um dispositivo pouco chamativo, mas se olharmos bem, os pontos fortes residem na câmara e sistema.

Em ambos os casos é clara a forte aposta da Google nas câmaras, que são idênticas nos dois modelos. Estas são acompanhadas de uma série de especificações topo de gama, mas sem nenhuma que se destaque face à oferta já no mercado.

Especificações do Pixel 2 e Pixel 2 XL

PIXEL 2 PIXEL 2 XL
CPU Qualcomm MSM8998 Snapdragon 835
RAM 4 GB
ROM 64 / 128 GB
DIMENSÕES 145.7 x 69.7 x 7.8 mm 157.9 x 76.7 x 7.9 mm
PESO 143 g 175 gr
ECRÃ pOLED de 5″ pOLED de 6″
Resolução FullHD 1080 x 1920 pixeis (~441 ppi) Resolução QHD 1440 x 2880 pixeis (~538 ppi)
Gorilla Glass 5 Gorilla Glass 5 e Wide Color Gamut
SISTEMA Android 8.1 com Google UI
CÂMARA PRINCIPAL 12,2 MP f/1.8 e 1.4μm pixeis, OIS, EIS, PDAF, LDAF
CÂMARA FRONTAL 8MP, 1.4μm pixeis, f/2.4, fixed focus
BATERIA 2.700 mAh 3.520 mAh
CONECTIVIDADE 4G LTE, Wi-Fi a/b/g/n/ac, NFC y Bluetooth 5.0
OUTROS Leitor de impressões digitais, protecção IP67, E-SIM, coluna stereo, Active Edge, USB Tipo C
CORES Kinda Blue, Just Black, Clearly White (azul, preto e branco) Black & White, Just Black (preto ou branco e preto)

Antes de passarmos a um dos aspectos mais preocupantes destes dispositivos, o seu design, falemos um pouco sobre o seu rendimento.

Ambos os dispositivos contam com a mesma capacidade, conectividade e extras, o que é bom, já que muitas vezes as companhias diferenciam mais os seus dispositivos. Neste caso, se quiserem o dispositivo de 5″ por ser mais compacto, não serão prejudicados.

No interior destes contamos com o Snapdragon 835, um processador no mercado desde o inicio do ano e que deverá conhecer o sucessor no inicio de 2018. Este combina com 4 GB de memória RAM e podem optar entre as versões de 64 e 128 GB de armazenamento interno.

A versão mais pequena do Pixel 2 conta com uma bateria de 2.700 mAh, enquanto que o Pixel 2 XL conta com um extra, com 3.250 mAh.

Diseño Pixel 2 XL

O seu rendimento esta a par dos restantes flagships do mercado, ainda que não conte com o processador mais poderoso do iPhone nem 6 Gb de RAM como outros dispositivos Android.

A verdade, é que nada disso fará falta, uma vez que se trata de um dispositivo da Google, o que significa que o seu sistema conta com melhor optimização do que qualquer outro Android.

Sentimos ainda a necessidade de destacar outro pormenor, a Google retirou o jack 3.5mm do dispositivo. Para isso teremos de comprar os novos Google Pixe Buds por 159$.

O seu design…

“Para diferentes gostos, cores”, mas o design pode não ser para todos.

O Pixel 2 não apresenta uma moldura fina como o Xiaomi Mi Mix 2 ou o Samsung Galaxy S8. Mas a moldura no topo e base tem um propósito visto que integram as colunas, frontais!

Do lado de trás, temos uma traseira em vidro, o que significa que não conta com carga sem fios. E pior, quase de certeza, será um íman de dedadas e escorregadio.

Diseño Pixel 2

Na nossa opinião, para um dispositivo tão caro, 649$ no caso do mais pequeno e 849$ do maior na configuração de 64GB, o design poderia ser mais cuidado.

No caso dos ecrãs, não há dúvidas, estes são bons, com boa resolução para os diferentes tamanhos, 5″ com FHD e 6″ com QHD+.

Destaque também para os certificados de resitência a água e pó, com IP67.

A câmara que pode ser a melhor do mercado

O ano passado a Google lançou o dispositivo com a melhor câmara, e ao que parece, este ano repete a proeza. E isto sem ceder à tentação de lançar um dispositivo com câmara dupla.

O sensor é o Dual-Pixel, no qual cada pixel é formado por dois mais pequenos, com 1.4μm vs. 1.55μm, o do ano passado. A isto juntou a estabilização OIS, para melhores fotos e vídeos, reduzindo a desfocagem com o movimento.

A Google apresenta uma câmara com menor apertura, com f/1.8, e incorporou várias tecnologias que já vemos noutros terminais, como a realidade aumentada, o modo retrato Motion Photos – tornados standard pela Apple nos seus dispositivos, e que a Google agora melhorou.

Sem dúvidas que em termos de hardware as câmaras são do melhor no mercado, mas a Google utiliza a capacidade computacional para melhorar a qualidade das imagens. Teremos que aguardar para ver os resultados reais para dar uma conclusão mais real.

Firmware da Google cada vez mais completo

A Google costumava lançar os seus produtos com o Android Stock, mas com o Pixel passou a criar e melhorar um Launcher bastante suave e com um design característico.

O Pixel Launcher traz algumas melhorias no design que gostamos, como é o caso da barra principal de pesquisa – que está agora no final, abaixo dos aplicativos mais usados.

No espaço superior, vemos alguns widgets que mostram o tempo, o clima e os eventos do calendário. É um design bastante minimalista e nós gostamos disso. O seu sistema é o Android 8.1 Oreo e a Google promete atualizações até 2020, data em que iniciaria o Android R… Android Reese?

O Google Assistant também foi aprimorado e agora fala em mais linguas, com melhor compreensão do contexto da conversa. Também podemos pedir para traduzir um texto específico, ou que dizemos até pedirmos que pare.

Um dispositivo para fãs de Android!

Pixel 2 tem quase tudo … Quase!

O Pixel 2 e Pixel 2 XL contam com uma câmara espectacular, com uma performance muito completa e um firmware que promete. É uma pena que eles não tenham conseguido reduzir as molduras em ambos os dispositivos, especialmente os 5″.

É por isso que dizemos que é um celular para aqueles que gostam do Android.

Se quiserem algo completamente funcional e com bons resultados, o Pixel 2 é uma boa opção. Além disso, podem optar entre a versão de maior ou menos ecrã, sem serem prejudicados no desempenho.