destiny 2 beta pc

Destiny 2 – Refazer as armas exóticas: Sweet Business

Um dos pontos que a Bungie frisou quando anunciou o futuro de Destiny 2, foi o facto de que existem muitas armas exóticas que precisam de ser alvo de uma atualização.

Neste momento, com a exceção de muito poucas armas exóticas, podem fazer qualquer atividade utilizando apenas armas lendárias. Mesmo as poucas armas que são mais utilizadas, nomeadamente a Warcliff Coil e Merciless por exemplo, podem facilmente ser substituídas por armas lendárias como o Rocket Launcher da Raid, Sins of the Past ou a Shotgun da expansão Curse of Osiris, Perfect Paradox ou até mesmo, pela Hawthorne’s Field-Forged Shotgun, que vinha no jogo base.

Para colmatar este problema, a Bungie anunciou que vão reformular muitas das armas exóticas, especialmente as menos utilizadas, tornando-as incrivelmente mais poderosas e desejáveis, para diferentes situações.

As armas exóticas de Destiny 2 necessitam de uma atualização urgente

Nesta série de artigos, vamos ver o que faz a maioria destas armas ser tão pouco utilizadas, como podemos melhorar as armas que ainda não foram anunciadas e o novo papel que teriam em Destiny 2.

O objetivo será tentar chegar a uma solução que não seja extremamente “overpowered”, mas que se possam destacar pelo seu poder ou habilidades únicas.

Não iremos fazer updates às seguintes armas: Coldheart, Merciless, Warcliff Coil, Mida Multi-Tool e Prometheus Lens, uma vez que são as armas mais utilizadas e, neste momento, estão relativamente bem equilibradas e não necessitam de uma grande atualização. Também não vamos cobrir a Graviton Lance, visto que já foram anunciadas as mudanças previstas pela Bungie, para esta arma.

Podem ver outras armas que já alteramos:


Neste artigo, vamos ver como poderemos melhorar a Sweet Business, uma das primeiras armas exóticas que podem adquirir, visto que é uma das recompensas que recebem ao longo da campanha.

A Sweet Business é uma Auto Rifle bastante única, visto que não se inclui nos arquétipos que compõem as outras armas desta classe.

Apesar de ser uma arma bastante engraçada de se usar, na realidade acaba por perder para armas como a Coldheart ou a Prometheus Lens, em termos de dano quer em PVP, quer em PVE.

Os perks da arma neste momento são:

  • Payday: Carregador maior, aumenta a pontaria quando disparado da cintura.
  • Polygonal Rifling: Aumenta a estabilidade
  • High-Caliber Rounds: Aumenta o recuo que os oponentes sofrem ao serem atingidos e o alcance do tiro.
  • Business Time: Manter premido o gatilho, aumenta o alcance, cadência do tiro e automaticamente coloca a munição apanhada do chão, diretamente no carregador.
  • Composite Stock: Aumenta a estabilidade e a velocidade de manejo da arma.

sweet businessOlhando para os perks, a arma nem parece muito má. E na realidade nem é assim tão má, mas então porque perde para as armas que mencionei?

A Coldheart, possui uma mira melhor, capaz de seguir melhor os alvos, um carregador semelhante (101 vs 99), melhor alcance e o seu perk aumenta o dano causado, quanto mais tempo estiver o seu laser em contacto com o alvo, assim como um tempo de carregamento muito menor.

A Prometheus Lens possui um carregador menor (75 vs 99), mas a esfera que cria aumenta bastante o dano que causa aos inimigos que se encontram dentro dela, assim como o facto de desfazer um inimigo menor em 2 ou 3 segundos, o que devolve uma boa parte das balas ao carregador.

Mas então, como vamos tornar a Sweet Business mais competitiva?

A Sweet Business não é uma má arma, mas é facilmente substituída por outras exóticas.

Para começar, é necessário melhorar a mira, para que seja mais fácil seguir os alvos em movimento. Isto tornaria mais fácil o seu uso em PVP, assim como para eliminar inimigos mais pequenos no PVE, uma vez que o corpo enorme da arma tapa boa parte da visão.

Em seguida, melhoraria o perk Payday adicionando a possibilidade de correr e saltar enquanto disparamos, assim como aumentar a velocidade do sprint, há medida que menos balas sobram no carregador. Isto permite que possamos chegar rapidamente às caixas de munição de forma a recarregar a arma e continuar a disparar.

O problema de apanhar as caixas de munição do chão, é que estas não são assim tão frequentes, pelo que poder disparar e chegar rapidamente a estas caixas, tornaria a arma bastante mais interessante.

Para finalizar, fazia uma alteração ao perk Business Time, adicionando que ao apontar a arma, o efeito do perk seria instantâneo em vez de progressivo, ou seja, colocaria logo a arma no máximo alcance e cadência de tiro que o perk confere. No entanto, o jogador não se poderia mover, ou mover-se-ia de forma extremamente lenta. As balas seriam consumidas da reserva, em vez do carregador.

Esta mudança, juntamente com uma mira melhorada, tornaria a Sweet Business numa arma extremamente útil para inúmeras situações.

O facto de podermos correr e disparar, permitindo apanhar as munições do chão e prolongar o tempo de disparo, tornaria-a bastante útil para eventos públicos que necessitem de movimentação constante ou simplesmente fazer chover balas no PVP, enquanto saltamos de um lado para o outro.

A mudança no Business Time, tornaria-a útil para segurar um local especifico no mapa, sendo que o facto de gastar balas diretamente da reserva, permite que seja disparada por bastante tempo e, quando estas acabarem, ainda sobram balas no carregador para fazer uso do perk Payday.

O Team Shooting, combinado com rifts de Warlocks e o perk Business Time tornaria a Sweet Business numa arma muito competitiva no PVP.

Em relação aos outros perks acho que não é necessário alterar nada, especialmente High Caliber Rounds combinado com o disparo enquanto estacionário, tornaria a Sweet Business numa arma extremamente letal, quase como um turret.

Acham que esta mudança seria suficiente para tornar a Sweet Business mais utilizada? Que mudariam?

 

  1. Pingback: Destiny 2 - Refazer as armas exóticas: Fighting Lion - NewEsc

Your email address will not be published. Required fields are marked *