Há pouco tempo atrás fizemos a review do terminal da BQ com Cyanogen OS, o Aquaris X5, sendo o primeiro terminal da marca com este sistema.  Mas se tens um BQ Aquaris E5 HD, também podes ter CyanogenMod, que é ainda melhor que CyanogenOS, ainda que menos estável. Neste artigo mostramos-te tudo o que precisas saber e ter para o fazer.

Como instalar CyanogenMod no BQ Aquaris E5 HD

No fórum espanhol de HTCMania, Abel Florez criou esta ROM. É um firmware não oficial que é necessário instalar seguindo algumas indicações. Isto é seguramente um grande trabalho deste programador e por essa razão sentimos que o deveriamos partilhar aqui na NewEsc.

Se não conheces CyanogenMod aconselho-te a ler este artigo, em inglês: What is CyanogenMod.

Instalar CyanogenMod 12.1 Aquaris E5 HD

Antes de começar o procedimento é preciso que realizes alguns passos prévios que servem principalmente para evitar problemas durante a instalação da ROM e para que a consigas realizar com êxito.

Requisitos:

  • Ter Root no telemóvel – Tutorial.
  • Ter instalado uma custom recovery, como por exemplo TWRP;
  • Ter mais de 50% de bateria no momento de executar a instalação;
  • Ter realizado uma cópia de segurança.

Instalar CyanogenMod 12.1 Aquaris E5 HD 2

Passo a passo para instalar CyanogenMod no Aquaris E5 HD

Segue estes passos para instalar a ROM no teu BQ:

  1. Transfere os ficheiros .zip e guarda-os na memória interna do teu dispositivo:
    MEGA | Versão estável 1.0
    MEGA | Versão estável 2.0
    MEGA | Google Apps
  2. Reinicia no modo recovery: “Volume mais” + “Botão power”;
  3. Depois segue “Wipe“ > “Advanced Wipe” > “Dalvik Cache”> “System”> “Data” > “Cache”. Despois confirma;
  4. Carrega em “Install“, procura os ficheiros .zip e confirma a sua instalação;
  5. Ao finalizar toca em “Reboot” (reiniciar).

Instalar CyanogenMod 12.1 Aquaris E5 HD 3

Agora apenas tens de esperar para começar a disfrutar da tua nova ROM.

Ainda existem muitas melhorias para realizar, e pode ser que existam alguns problemas. Se assim for, sugerimos que entres em contacto com o programador para o informares dos mesmos, de forma a que ele tenha conhecimento e possa tratar deles, se assim o entender claro.

Por agora, podemos indicar-te alguns dos problemas que existem de momento e que se resolverão no futuro:

  • Não faz gravação do ecrã;
  • A resolução máxima dos vídeos de YouTube suportada é de 360p.

Se encontrares mais problemas ao utilizar o teu dispositivo pela primeira vez, entra no post oficial deste tutorial para veres como deves proceder. Ou se preferires, quiseres, deixa-nos um comentário para que te ajudemos 🙂

No more articles