Battlefield hardline o melhor e pior
Battlefield hardline o melhor e pior

Battlefield Hardline: o melhor e pior da beta

A semana passada foi dedicada a uma das betas mais esperadas deste ano: Battlefield Hardline. Além de bater records de downloads de beta, e de jogadores online (até suprou Destiny). Battlefield volta a surpreender-nos com mais um jogo de tiros espectacular. Mas será que tudo é bom? Vamos a ver.

Antes de mais, a primeiro coisa que verificamos nesta beta é a sua velocidade. Comparado com o BF4, este é muito mais rápido. O carregamento do jogo é mais rápido, as personagens movem-se mais rápidamente, a acção em geral é mais rápida.

Além disso, vemos que quiseram dar um novo toque ao jogo, afastando-se do tipico shooter militar em prol de Policias contra os Ladrões. Isto permite que hajam modos de jogos mais variados, tais como o roubo de dinheiro ou o de Hotwire. No primeiro devemos roubar ou defender um duas caixas de dinheiro num banco; e no outro é uma espécie de modo conquista, mas as bandeiras são os carros. Desta forma podemos sentir na nossa pele aqueles momentos de roubos, ao estilo PayDay, ou aquelas perseguições assombrosas típicas de Hollywood. Na verdade estes dois modos tiraram todo o protagonismo ao modo conquista que antes gostávamos tanto, já que juntam algumas característica destes mas com mais emoção.

Gameplay de Battlefield Hardline

Mas no que toca ao Gameplay de Battlefield Hardline vimos algumas alterações: por exemplo, se não gostas de jogar em equipa, ficarás rapidamente sem balas. As balas são mais limitadas. Além disso, cuidado com as caçadeiras, já que pelos vistos estas tem uma potencia enorme – pouco real se assim o podemos dizer. Esperamos que na versão final estejam bem reguladas. As nossas balas danificam os veiculos, e se disparamos à cabeça a mira fica vermelha! Duas atualizações que se esperavam desde há muito tempo!

 

As Classes em Hardline

As classes estão muito mais únicas em Battlefield Hardline. A antiga classe de Assault, agora Operator tem ao seu dispôr as assault rifles e pode reviver e curar os aliados. A antiga classe support, agora chama-se enforcer e pode usar breaching charges para rebentar com paredes e veiculos e fornecer munições aos aliados. Além disso as suas armas têm os maiores carregadores entre todas as classes e é a unica classe que pode utilizar caçadeiras. A antiga classe engineer agora chama-se mechanic e possui as metrelhadoras PDW para curto alcance com alta cadência de tiro e as pistolas pesadas para medio alcance, podem reparar veiculos e ainda têm ao seu dispôr os spawns portateis. A antiga classe Recon agora chama-se Professional e tem no seu arsenal as Snipers e DMR e podem colocar minas no chão ou cameras que fazem spot automaticamente quando vêem um inimigo.

Uma das principais mudanças é a remoção das LMG e lança misseis dos arsenais das classes. Agora estas são battle pickups que podemos apanhar em vários pontos do mapa. Também foi introduzido o Gancho e Zipline que permitem aceder aos telhados para oportunidades de flanquear ou criar novas rotas de fuga por onde podemos deslizar.

Também foi introduzido o modo Hacker, uma variação do modo Commander de Battlefield 4, mas neste momento é um modo que precisa de ser equilibrado quando se atingem os niveis mais altos. Nesses niveis é possivel colocar 5 UAV no céu que automaticamente detectam os inimigos na sua área e se combinados de forma correcta podem cobrir toda a área de jogo, especialmente em modos como Heist onde o mapa é reduzido

Em relação aos gráficos, este é mais fraco que as versões anteriores, mas mesmo assim: É UMA BETA! Isto pode melhorar na versão final,e acho que não é assim tão mau. Mas esta é apenas uma opinião.

Espero que tenham gostado desta analise de Battlefield Hardline, e se quiserem, comentem e deixem-nos saber também a vossa opinião!