Análise dos Sony MDR-1000X sem ruído, sem fios [REVIEW]
Leve e confortávelCancelamento de ruído que funcionaBateria longaMuito boa qualidade de som
Controlos touch estranhos
92%Overall Score
Design89%
Qualidade de construção90%
Nível de conforto100%
Qualidade de som90%

Os Sony MDR-1000X são a aposta da companhia nipónica para quem procura som de qualidade para acompanhar no dia a dia, principalmente com os recentes smartphones sem jack 3.5mm.

Este segmento do áudio tem agora mais espaço para crescer com a disseminação destes smartphones como os iPhone 7, iPhone 8 e iPhone X, mas também com os flagships da Samsung e Huawei, entre outros que decidiram retirar o jack 3.5mm a favor dos ecrãs sem molduras e dispositivos mais finos.

O segmento tem sido dominado pela Bose que tem nesta gama média-alta as melhores soluções como os Bose QuietComfort 35.

sony mdr 1000x

Além da qualidade assumida e capacidade sem fios, os Sony MDR-1000X procuram marcar a diferença com um tipo de controlo diferente, por touch directamente na cúpula dos headphones, sem estragar assim o design deles.

Serão suficientes?

Unboxing e primeiras impressões

Num packaging atraente, a Sony faz valer os selling points dos Sony MDR-1000X com destaque para a capacidade wireless e de cancelamento de ruído.

No interior da caixa preta temos tudo o que precisamos para dar cor às nossas músicas.

Os MDR-1000X estão disponíveis tanto em Preto como em Bege, o modelo que recebemos para análise. Os headphones vêm acomodados no interior de uma bolsa rígida que servirá para os guardar do pó ou proteger em caso de transporte.

sony mdr 1000x

Pegando neles percebemos rapidamente que são leves, o que abona logo em favor do conforto. Tal como as almofadas, cobertas com material a imitar pele, que temos no arco e nas cúpulas do mesmo – que para meu agrado, não aquecem demasiado as orelhas e, logo, não as fazem suar.

O seu desenho insere-se na gama que pretende, o chamado premium ou smart. Com uma mistura de materiais entre plástico com partes em metal para reforçar, temos uns headphones que parecem de boa qualidade de construção.

sony mdr 1000x

O facto de as cúpulas rodarem facilita a sua arrumação, mas deixa-nos sempre um bocado de medo de que se possam partir facilmente. E já agora…porque só rondam para um lado?

Na cúpula esquerda temos os botões físicos, para ligar os headphones, e outros botões com modos distintos. O NC diz respeito ao Noise Cancellation, e o Ambient Sound para se ouvir o que se passa à nossa volta através da música.

Deste lado temos ainda a saída jack 3.5mm caso queiram uma ligação directa à vossa fonte de áudio, e funciona quando a bateria termina! Contudo, perdemos a capacidade touch dos controlos.

sony mdr 1000x

Para a mão direita, temos os controlos habituais de áudio, em modo touch. Estes requerem uma certa curva de aprendizagem, se não vamos passar o tempo a passar músicas em vez de aumentar o som.

Ou ficar presos num ciclo que parece não ter fim em que apenas fazemos pausa ou play…ou então só acontece comigo.

Deste lado direito temos também a porta micro USB para carregar os headphones. E contamos com um modo extra, o Quick Listen, para quando queremos ouvir o que algo diz sem remover os headphones ou desativar o NC.

Mas falemos então da qualidade e no dia-a-dia

Resumo das Especificações
Driver 40mm, em cúpula
Freq. Resposta 4Hz – 40.000 Hz
Tipo Fechado
Impedância 16 ohm (1kHz)
Sensibilidade 103 dB/mW (1kHz)
Peso 275 g
Conectividade Bluetooth 4.1 e NFC
Formatos suportados SBS, AAC, aptX, LDAC

Mais informações em Sony PT

Modos para o dia-a-dia nos Sony MDR-1000X

Os Sony MDR-1000X contam com muitas funcionalidades que nos tentam tornar a experiência de utilização o melhor possível, e quase que conseguem.

sony mdr 1000x

Além dos controlos já referidos, os modos são pensados para diferentes situações do dia-a-dia. Para apreciar os nossos momentos, seja nos transportes públicos, no café ou algo, se activarmos o NC somos transportados para o nosso mundo, com a nossa música ou série que estejamos a ver. Deixando o ruído do dia do lado de fora, de uma forma surpreendentemente boa nestes headphones graças à tecnologia ANC da Sony (Active Noise Cancellation).

O modo NC ainda tem uma surpresa na manga, um optimizador de cancelamento de ruído personalizado. Este é activado ao premir e segurar o botão NC, que irá emitir uma série de ruídos que irão de certa forma mapear a forma da nossa cabeça, à semelhança de um sonar. Com isso, os MDR-1000X irão calibrar de forma mais personalizada o NC ao utilizador.

O Ambiente Sound, o botão ao lado do NC, é bom para nos mantermos atentos ao que nos rodeia. Seja para atravessar a estrada ou ter atenção aos ciclistas, quando andamos na rua não devemos estar completamente alheados do que nos rodeia, ou pomo-nos a jeito como se costuma dizer.

sony mdr 1000x

Na outra cúpula, do lado direito, não temos botões físicos, mas temos um modo extra, o Quick Listen. Como o nome indica, serve para ouvir algo ou alguém rapidamente, sem termos de tirar os headphones. Seja alguém a pedir indicações, ou para cumprimentar, ao cobrir a cúpula com a mão, os seus sensores irão detectar o movimento e diminuir o som para que possamos ouvir o que nos dizem.

E a qualidade de som?

Estes Sony MDR-1000X têm muito a seu favor, além dos modos que já vimos e o seu design articulado, no momento de encher os nossos ouvidos de som não falham na qualidade.

Os headphones da Sony costumam ter algo que me agrada bastante, bons níveis de graves ou bass se preferirem. Estes aparecem bem definidos, sem causar ruído desnecessário na experiência.

Fiquei satisfeito independentemente dos estilos de música que experimentei. De Rush a Gorillaz, passando por Marshmello, o som nos MDR-1000X além de versátil é limpo e nítido, sem ser preciso aumentar o volume mais do que o normal.

 

 

sony mdr 1000x

O modo de cancelamento de ruído só favorece as músicas ao tapar quase totalmente o exterior.

A qualidade sentida consegue tornar-se melhor quando deixamos a experiência sem fios e ligamos o cabo, encorpando mais o som. E perder os controlos touch não é problema, pelo menos para mim que acabei por ficar frustrado com eles recorrendo sempre aos controlos pelo smartphone.

Em termos de autonomia, não teremos problemas em passar o dia fora de casa com os headphones, dificilmente ficaremos apeados. Caso fiquemos, é só ligar o cabo e podemos continuar a usar os headphones, em vez de ficar com um peso morto na mão o resto do dia.

Contudo, sem bateria, o som perde qualidade. Isto uma vez que alguns dos modos deixam de funcionar, com o cancelamento de ruído e a amplificação dos drives dos headphones.

Se valem a pena?

De um modo geral, para quem procura algo na fasquia dos 300€, os MDR-1000X da Sony valem muito a pena!

Principalmente se viajam bastante ou andam diariamente em transportes públicos, visto que o seu forte está na capacidade de cancelamento de ruído.

Com um preço em torno dos 300€ faz já parte de uma gama de especial qualidade, concorrendo com os Bose QuietComfort 35 e os Level On Pro Wireless da Samsung. Podem comprar estes Sony MDR-1000X em torno desse valor na Amazon ES.

NewEsc Recomendado Tech

Os Sony WH-1000XM2 são o passo a seguir, por cerca de 350/400€ oferecem mais bateria e melhor cancelamento de ruído!

No more articles