Antec GX1200

Análise à Caixa Antec GX1200 – Fora de controlo?

Montagem73
Arrumação de cabos84
Qualidade de construção81
Review dos Leitores2 Votes85
Vidro amplo e iluminação personalizável
Cobertura para a parte inferior
Sistema de encaixe dos paineis frontais e superior muito fraco
Sem controlador de ventoínhas
79

Recentemente vimos a Antec GX330uma aposta budget da Antec e que, em certa medida, procura possibilitar ao utilizador um sistema voltado para refrigeração líquida sem gastar muito na caixa. A Antec GX1200 traz características superiores, com alguns pormenores bem pensados, outros nem tanto.

Consegue ser a melhor aposta da marca? E para o nível de preço?

Unboxing e Primeiras impressões

Como é algo já habitual hoje em dia, uma preocupação das marcas em salvaguardar os seus produtos, a caixa vem bem embalada, com um esferovite rijo o suficiente para aguentar impactos, sem danificar a caixa também.

Antec GX1200

Olhando ao desenho da caixa, vem na linha do que esta gama GX da Antec nos habituou, com semelhanças com a GX330 que já vimos. Tem um painel lateral com uma janela de boas proporções, quase quadrada, que permite ver por completo o sistema montado no interior da caixa.

Na parte inferior apenas temos uma entrada de ar, filtrada, para a fonte de alimentação. Por isso, a principal, se não única, entrada de ar do nosso sistema será a parte frontal, onde podemos montar três ventoinhas de 120mm. Nesta posição temos já montadas duas ventoinhas da Antec iluminação LED até sete cores e diferentes efeitos, que são controladas por um botão no topo.

Na parte frontal, temos iluminação em baixo, que é controlada em simultâneo com os LED das ventoinhas. Já no topo, temos os conectores do painel frontal, com duas portas USB 3.0, o botão que permite alterar a iluminação, os conectores de áudio e o botão de energia.

No painel de topo, além de termos a mesh em toda a superfície, temos de lado, atrás, saídas de ar que lhe dão um aspecto mais desportivo.

Tanto no painel frontal da Antec GX1200 como no de topo encontrei os maiores pontes negativos da caixa. O sistema de encaixe.

Este é desatualizado e frágil, em plástico, semelhante ao que vimos na Antec GX330, o que me parece bastante mau se este sistema for uma aposta habitual da Antec.

Caso precisem de remover estes painéis, para limpar os filtros de ar, arrumar o radiador ou ventoinhas, ou fazer algum tipo de modificação, primeiro, terão de fazer um bocado de força a mais para os remover, depois, terão o desafio de os voltar a por no sitio.

Principalmente o de cima, que foi um verdadeiro desafio, uma vez que os encaixes não alinharam todos, sendo preciso um segundo par de mãos para os forçar.

Olhando ao interior da Antec GX1200, temos uma Mid-Tower com o espaço bem dividido, pontos extra para a cobertura no fundo para a zona da fonte de alimentação e discos, escondendo da vista a desarrumação habitual dos cabos destes componentes.

A caixa não tem a típica caixa para discos colada ao painel frontal, o que é bom, visto que permite que ar fresco entre no nosso sistema sem entraves à circulação. E nem por isso vemos a capacidade de montar discos no sistema reduzida, visto que podemos colocar dois discos 3.5″ e três 2.5″ em simultâneo no sistema.

Já no tabuleiro da placa mãe, temos um amplo espaço para montar qualquer backplate, independentemente do sistema de refrigeração que usemos, sem ter de tirar a placa sempre que o façamos.

Antec GX1200

Como podemos perceber pelas fotos até agora, a caixa apresenta espaço para passar os cabos pela parte de trás da motherboard. Ainda que tenha bastante espaço e muitas aberturas por onde passar os cabos, é pena que não tenhamos borrachas para tapar estes, e isso é algo que já se vê em caixas próximas dos 100€ como esta.

Resumo das Especificações
  • Modelo: Antec GX1200 Window (0761345-10001-4);
  • Formato: Mid-Tower;
  • Compatibilidade: ATX, mATX;
  • GPU – comprimento máximo: 410mm
  • CPU – altura máxima: 160mm (pelo menos, conseguimos montar um BeQuiet Dark Rock 3);
  • Materal e Cor: Preto
  • Ventoinhas: Traz duas pré-instaladas na frente de 120mm com 7 cores LED, suporta até seis- 3x na frente, 2x no topo e 1x atrás.
  • Radiador: até 120mm atrás, 240mm em cima e 360mm na frente;
  • Dimensões: 520.7 mm x 203.2 mm x 520.7 mm;
  • Outros: Controlador de fans (6x), controlador de LED (3x), 1x USB 3.0, 1x USB 2.0;
  • Mais informação.

Montagem

A montagem de um sistemanesta Antec GX1200, dado o amplo espaço que tem, é bastante fácil.

Colocamos na caixa uma paltaforma base já com uns anos, mas bem apetrechada. Com uma placa mãe ASRock Z77 Extreme4 e um i7 3770K arrefecido com um AiO da Antec, o Kühler H1200 Pro, com radiador de 240mm que foi fácil de colocar no topo da caixa.

O maior problema foi mesmo ao remover e ainda mais ao colocar o painel superior da caixa, como já vos disse.

Antec GX1200

De resto, colocámos no sistema uma placa gráfica MSI GTX 1080, aqui em análise, com coisa de 28cm de comprimento, sem qualquer problema.

E Cooler Master V700, que tem 170mm de comprimento, mas ainda nos deixou algum espaço para os cabos. Contudo, é bom que liguem tudo antes de a por na posição, se for modular.

Antec GX1200

Nota extra para o Magic Box, o controlador de iluminação da caixa que está escondido no painel traseiro.

Podemos ligar neste controlador até 6 ventoinhas de 4-pin e 3 fitas de iluminação LED. Com o Magic Box podemos controlar as cores do sistema e os seus efeitos, quer por ele quer pelo botão que temos no topo da caixa.

Boa ideia, má execução

Este também permite controlar a velocidade das ventoinhas. Mas aqui é que fica estranho.

antec gx1200 magic led

Apenas podemos controlar as ventoinhas directamente no Magic Box, não existindo qualquer outro botão ou slider no painel frontal/topo da caixa.

Ora, isto talvez aconteça por:

  • na Antec acham que uma vez escolhida a velocidade, não há necessidade de mudar;
  • foi esquecimento;
  • foi uma adição de última hora…

Antec GX1200 – Vale a pena?

Boa ideia, má execução, repito-o, porque é mesmo o que parece esta caixa.

Então uma das funcionalidades mais interessante desta Antec GX1200, o controlador Magic Box, está incompleto?

E o sistema de retenção dos painéis de topo e frontal também precisa de ser revisto, isso e adicionar borrachas nas passagens dos cabos.

Corrigindo estes problemas numa possível Rev. 2.0 e a Antec tem uma caixa interessante para o preço que pretende. Até podem subir mais um pouco o preço, até aos 100€, visto que o preço está ainda abaixo dos 90€.

Antec GX1200

Podem encontrar estaa Antec GX1200 por 80€ na Amazon, e a pouco mais que isso nas lojas nacionais.

Os pontos fortes da caixa passam pela cobertura na parte inferior, escondendo a fonte e discos 3.5″, o amplo espaço para arrumação e manter o sistema limpo e desafogado para ser visto através da ampla janela do painel lateral da Antec GX1200. O pormenor da iluminação também está interessante, principalmente na parte inferior do painel frontal.

Nutella Man

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Montagem
Arrumação de cabos
Qualidade de construção
Final Score