Review Corsair K70 Rapidfire, teclado mecânico gaming
Qualidade de construçãoBoa personalizaçãoSensibilidad dos Switch
Gostariamos de ter visto outros extras
92%Valor Total
Design90%
Personalização95%
Funcionalidades90%
Rendimento91%
Votação do Leitor 2 Votos
90%

A Corsair chamou-nos à porta para testar um dos melhores teclados deste ano, o Corsair K70 Rapidfire. Começamos a analisar este teclado, como bons geeks que somos, e durante vários dias e noites o estivemos a utilizar para conhecer na perfeição.

Um design atrativo, umas especificações prometedoras e um software muito completo. Vamos conhecer os pontos fortes (e menos fortes) deste teclado tão interessante. Começamos!

corsair-k70-rapidfire-newesc

Corsair K70 Rapidfire: Design

O primeiro que vamos analisar do Corsair K70 Rapidfire é o seu design. Trata-se de um teclado bastante minimalista, com um estilo muito cuidado e uma construção sólida.

Em relação ao seu corpo, está fabricado com um marco de alumínio raspado negro, que lhe da um aspeto industrial, robusto e tecnológico. Os bordes estão bastante ajustados às teclas, as quais não são grandes (especial atenção aos que tem os dedos mais grossos).

Um teclado minimalista com um desing robusto

Na zona superior do teclado encontra-se, além do logo da Corsair, uma tecla para controlar o nível de intensidade da iluminação, e outra para ativar o modo jogo que veremos mais adiante. Também inclui botões multimedia práticos, entre os quais podemos ver a roda para o volume.

teclas-multimedia-corsair-k70-rapidfire-newesc

Em relação às teclas (a parte mais importante de um teclado), como dissemos anteriormente, não são teclas grandes nem tem uma grande elevação. Isto permite limpar o teclado com mais facilidade e melhora os efeitos de luz que reflectem nos marcos de alumínio.

As teclas têm um tacto suave, exceto a barra de espaços, que tem uma textura rugosa. Além disso, este Corsair K70 Rapidfire inclui um conjunto de teclas rugosas para substituir as W, A, S y D, muito útil para ter mais precisão e comodidade se gostam de jogos GPS, e outro conjunto de teclas Q, W, E, R, D, F para jogos MOBA.

teclas-rugosas-corsair-k70-rapidfire-newesc

Utiliza os interruptores mecânicos Cherry MX Silver de contacto Gold, que oferecem um rendimento espectacular na hora de jogar e uma grande durabilidade.

As teclas contam com iluminação individual RGB, e o teclado oferece uma boa colecção de diferentes efeitos de luz, inclusive superior a do Razer Blackwidow Chroma que estamos agora a analisar. A luz é suave mas ao mesmo tempo intensa, e o efeito ao tocar o alumínio é genial.detalle-barra-espaciadora-corsair-k70-rapidfire-newesc

Na parte traseira do teclado vemos o conetor USB 3.0, que nos permite conetar dispositivos ao teclado, e um interruptor para mudar a taxa de atualização do teclado, que também permite ativar um modo de compatibilidade para algumas BIOS.puerto-usb-y-conmutador-corsair-k70-rapidfire-newesc

Em relação ao cabo, é um cabo grosso, resistente, com dois conetores USB nos seus extremos. Um desses conetores dá energia ao teclado, enquanto que o outro é o que permite utilizar as porta USB 3.0 do próprio teclado.

Além disso, o Corsair K70 Rapidfire inclui um descansa pulsos extraível, com uma textura de goma muito agradável e com as dimensões perfeitas. Em qualquer caso, se não estiverem satisfeitos com a altura do teclado, ou com a sua inclinação, podemos subir ou descer as 4 patas que tem (2 atrás e 2 em frente).reposamunecas-k70-rapidfire-newesc

Em relação à sua resistência e estabilidade, é um teclado robusto, pesado (aproximadamente 1.2 kg) e firme, que não se movera do seu lugar nem sequer nas sessões de gaming mais duras. É um teclado feito para durar e que transmite essa mesma ideia ao utilizador.

Funcionalidades

Na hora de utilizar este teclado, é conveniente diferenciar os dois tipos de utilização que lhe podemos fazer.

Este teclado tem uma pressão ligeira e um recorrido bastante curto. Isto significa que não faz falta apertar ate o fundo para ativar a tecla. De facto, os Switches Cherry MX Silver tem um recorrido de ativação de apenas 1,2mm. Isto é genial na hora de jogar, já que a pressão nos dedos é mínima, podendo reagir mais rapidamente.

Excelente para gaming, não tão bom para escrever

Contudo, para escrever pode não ser o melhor. Para escrever é mais conveniente utilizar um teclado com os Switch Cherry Blue por exemplo, caso contrário, mal apoiem os dedos sobre as teclas, escreverá logo.vista-lateral-1-corsair-k70-rapidfire-newesc

Se costumam descansar os dedos sobre o teclado, preparem-se para ver filas enormes com a repetição da mesma tecla. Ao principio não saberão o que está a suceder, porque parece que não pulsaram nenhuma tecla, mas depois de um tempo vão entender e acostumar-se.

De facto, segundo as especificações, bastam apenas 45g de pressão para ativar as pulsações, pelo que devem ter dedos de pianista (ou melhor, vão acabar tendo) ao utilizar este teclado.

Há que dizer que, como é habitual, este teclado não conta com um detetor de mãos para ligar a iluminação automaticamente ao aproximá-las. É uma característica que gostaríamos imenso de ver en dispositivos com este rango de preços.

Em relação ao som deste teclado, não é silencioso. Mas mesmo assim, comparado com outros como o Razer Blackwidow Chroma, o Corsair faz menos barulho.

personalizacion-de-colores-corsair-k70-rapidfire-newesc

Em relação às teclas extras que conta este teclado, são os controles multimédia, a tecla para variar a luminosidade e a tecla de jogos.

Os controles multimedia são muito intuitivos, estão bem situados e o seu tacto e pulsação são agradáveis. Especialmente atrativa é a roda de volume.

Em relação à tecla modo de jogo (aqui conhecida como “Win Lock”), também podemos personalizar a sua cor quando estiver ativada e desativada, além de escolher que teclas queremos que desative se a utilizamos Alt+Tab, Alt+F4, a tecla Windows…botones-rendimiento-corsair-k70-rapidfire-newesc

Software com muita personalização

O software que acompanha este Corsair K70 Rapidfire é o mais completo que vimos até agora em relação a teclados, mas por desgraça é também muito complexo.

CUE (Corsair Utility Engine) é o centro de controlo que permite configurar os dispositivos da companhia. Para uma configuração básica, a sua utilização é bastante intuitiva. Mas se o queremos realmente aproveitar ao máximo, vamos ter de trabalhar um pouco mais, já que as suas opções são infinitas.

Para explicar sem aborrecer com detalhes, podemos dizer que tem 3 secções diferentes, que nos permitem criar macros e administra-las, configurar os efeitos de iluminação e outros ajustes do rendimento do teclado.

Especial menção merece o apartado da iluminação. Nele podemos criar diferentes capas de iluminação, seleccionando as teclas que queremos em cada uma delas, e o efeito desejado para elas, criando diferentes capas. As possibilidades destes são infinitas, e não vimos nenhum teclado que permitisse tantíssima personalização.cue-corsair-k70-rapidfire-newesc

Na parte de Rendimento podemos modificar o comportamento da tecla Win Lock em relação aos bloqueios e cores.

Packaging

O Packaging do Corsair K70 Rapidfire é adequado e simples. A parte exterior da caixa mostra a imagem do teclado, com detalhes metalizados como o nome e o logo da Corsair.

Uma vez fora desta caixa exterior, vemos outra de cartão, que contem o teclado, o manual de instruções e as teclas extras rugosas que podemos depois colocar.

Junto com estas teclas para jogos FPS e MOBA está uma ferramenta para tirar as teclas, que recomendamos utilizar para evitar sustos. packaging-corsair-k70-rapidfire-newesc

Também temos na caixa o descansa pulsos que acompanha o teclado, um extra que de certeza será do agrado de mais de um.

Vale a pena este teclado?

Chegamos ao fim desta review com a sensação de ter experimentado um dos melhores teclados que existe hoje em dia no mercado. Totalmente recomendado para Gaming, mas pouco recomendado para outras atividades de escritório… pelo menos não até se acostumarem.

A qualidade da construção deste teclado é de maior nível. É um dispositivo robusto, equilibrado e com muitos detalhes bem trabalhados. O seu descansa pulsos, marco de alumínio, efeitos personalizadas, porta USB extra, teclas multimédia e os interruptores utilizados, transformam o Corsair K70 Rapidfire num teclado de culto para gamers que procuram algo de alta qualidade.

Tem um preço ao redor dos 170€, pelo que não é um teclado barato. Contudo, é uma inversão que vale a pena já que durará bastantes anos e melhorará a vossa comodidade sem dúvida alguma.