Elon Musk, o multimilionário excêntrico, pode ser visto como um grande fã das edições recentes da série Civilization de Sid Meier’s (falo claro de Civilization: Beyond Earth). O homem que além de sonhar com viagens espaciais, faz disso o seu dia-a-dia, procurando soluções para tal.

Elon tem de certa forma andado a revolucionar as viagens espaciais. Pelas suas ideias, planos e trabalho realizado através da SpaceX. Musk procura há muito impulsionar as viagens espaciais, com o grande objetivo de colonizar Marte.

Um dos principais desafios em colonizar Marte é tornar possível o regresso, e isso tem solução no plano apresentado por Elon Musk esta semana. Podemos ver um resumo do plano neste video de 5 minutos, de uma apresentação de mais de uma hora, em que nos é dada uma pequena demonstração:

Musk parece ter sido o primeiro a pensar em algo tão óbvio…reutilização. Passamos as últimas décadas a apregoar os valores da sustentabilidade – Reduzir, Reutilizar e Reciclar; mas quando Elon Musk o diz, é algo genial. Pois bem, Musk no seu plano de colonização, ponderou a reutilização do foguetão, propondo que o mesmo seja até 1.000 vezes, e não apenas uma. Outra questão é o custo por pessoa, e este será mais baixo com o uso de propulsores reutilizáveis, à semelhança das viagens de avião.

A nave da SpaceX  contará com um propulsor de um núcleo para lançar esta até uma órbita estável em torno da Terra. Depois, separar-se-á e irá descer para aterrar em segurança numa plataforma, de forma a que depois se coloque outra nave por cima para novo transporte.

Neste caso, para uma viagem, serão feitos dois lançamentos, um com a nave de transporte das pessoas e carga, que será deixada na órbita da Terra. Outro com uma nave que será o tanque de combustível para a viagem de ida/volta a Marte, que será então acoplado à primeira nave já em órbita.

Este propulsor fará uso dos motores desenvolvidos pela SpaceX, 42 para ser mais preciso. Com estes conseguirá gerar uma propulsão superior a 13.000.000kg no momento de lançamento, resultando numa velocidade máxima aproximadamente de 8.650km/h. Este foguete terá 77,5 metros de altura e usará metano como combustível, que é considerada a melhor opção como podemos ver no video apresentado.

spacex_marte_colonizar

Elon Musk diz que a ideia apresentada é uma versão muito próxima da que será construída, e não apenas mais uma ideia conceptual.

A apresentação toda teve a duração de uma hora, que podem ver no seguinte video:

Apesar de todos os problemas por resolver na terra e segredos para desvendar, como os fundos dos oceanos. A busca por viagens espaciais tem ganho novo fulgor nos últimos tempos, sendo mais uma vez Marte a grande atracção…

Espero ao menos que haja mais do que batatas para comer por lá!

Colonizar Marte por Elon Musk com Matt Damon